Adventure Time

E como nunca julgar um livro pela capa.

Adventure Time foi lançado em 2008 no Cartoon Network. Criado por Pendleton Ward, se baseado em um curta do Random! Cartoons da Nickelodeon.

Para falar de Aventure Time temos que falar primeiro sobre subtexto.  Subtexto é tudo aquilo em uma obra narrativa que não está explicito; seja pelas personagens ou pelo autor da obra em si. Adventure Time é uma obra com toneladas de subtexto.

Mas para falar do subtexto de algo, é bom começar falando sobre o texto: Adventure Time conta às aventuras, obviamente, de Finn The Human e Jake The Dog pela Land of Ooo. Aventureiros e heróis, sempre salvando as princesas do maléfico Ice King (basicamente o piloto aumentado). Tudo colorido e divertido.

Então que entra o subtexto.

Land of Ooo é um resultado de uma guerra nuclear que destruiu boa parte do mundo; Finn tem o titulo de humano não por ser só um humano e sim o ultimo. Ice King rapta princesas por loucura de uma outra época, que apenas que achar sua amada…E por ai vai, com vários outros exemplos assim. Coisas sombrias e tristes. E lesbíacas também!

Assim eu digo que Adventure Time é uma obra Dark Colorful ou Bittersweet.

Texto e subtexto apenas constituem o contexto, o que mais Adventure Time tem a oferecer para ser considerado tão bom por toda internet?

Em primeiro, a coisa que mais me impressionou foi: ser episódico de 11 minutos, como Bob Esponja, porém tem um grande plot que vai avançando, como em Panty & Stocking (o final pelo menos). E a interconectividade entre os episódios, mesmo aquela de separados é incrível. Eventos que aconteceram no episódio passado pode influenciar o seguinte. Eu nunca tinha visto uma animação com esse formato ter um plot continuo.

Com um plot contínuo podemos ter desenvolvimento das personagens, e isso é feito muito bem ao longo da obra, principalmente na área do romance. E tenho que dizer que a parte de romance são  magnificas. Com  momentos desoladores e outros que são puro amor.

O humor, assim como o todo, tem duas partes. Em um lado temos piadas de peido com um tempo perfeito, em outras piadas sobre estupro, claro que colocadas em um subtexto. Afinal ainda é vendido como um desenho para crianças.

Para finalizar temos a arte. Ela é super simplista, mas ao mesmo tempo  adequada ao tipo de história que esta sendo contada. Com o design do mundo e das personagens sempre ficando na linha entre o estranho e o bonitinho.

Se você quer ver algo simples e divertido, Adventure Time é perfeito para você. Se quer algo mais complexo com bastante desenvolvimento, também é perfeito para você. E é ai que Adventure Time realmente brilha, equilibrar o texto e o subtexto, e não deixar um entrar no caminho do outro, como outras ótimas obras o fizeram (R.I.P Invader Zim)

Para complementar e principalmente ver tudo o que a série tem, recomendo olhar o o Wikia e o Tropes. Até para ver os muitos detalhes que são facilmente perdidos. E nunca se esqueça, veja com a dublagem original que tem muita gente boa.

Adventure Time tambem tem 2 comics sendo feitos. Um sobre novas aventuras de Finn e Jake e outro sobre a banda da Marceline (a vampira) junto com a Princess Bublegum fazendo uma turnê plea Land of Ooo. No final do ano será lançado um jogo para DS e 3Ds com uma história original – o gameplay lembra bastante o Legend of Zelda 2: Adventure of Link.

Anúncios