Grenadier

E objetivos em battle shounens.

Em uma história linear ter um objetivo é uma grande vantagem, não necessário, mas uma grande vantagem. Entretanto, a falta de um objetivo pode levar a uma situação em que diminui  ou tira qualquer profundidade de uma personagem.

Vamos pegar o exemplo do Ichigo de Bleach. Ichigo é um personagem sem nenhum objetivo em todas as partes da obra. Tudo que ele faz, é em resposta ao que alguém faz com ele ou com alguém, na maioria das vezes salvar uma donzela em perigo. Ou seja, Bleach tem basicamente a mesma história que Mario. E é exatamente isso, Ichigo é o Mario, um personagem sem personalidade que serve como um arruma tudo para qualquer tipo de acontecimento.

Isso ainda serve para falar do resto das personagens de Bleach, Estão todos esperando que algo ruim aconteça para poderem ir responder. A única personagem com algum tipo de objetivo é o Aizen, mas mesmo isso é mal aproveitado, com explicação sobre o porquê,  passada apenas por cima.

||

Grenadier é um manga de sete volumes feito por Sosuke Kaise, única de suas obras a conseguir alguma fama. Ele teve uma adaptação para anime com 12 episódios feito em 2004.

A história segue Rushuna, uma pistoleira peituda em busca de sua terra natal; Kojima, um samurai que quer se tornar o melhor do mundo e Mikan, uma mestra dos balões que quer… Ser a loli do grupo?

A aventura deles é chegar à capital do país para conseguir respostas e no caminho enfrentar o Juttensen, usuários de armas especiais e desvendar uma grande conspiração que pode destruir o país.

Como podem ver é um enredo que facilmente leva a diversos tipos de luta, e isso ele é com louvor. As lutas desse manga são dinâmicas e engenhosas, sempre tentando as fazer de um novo jeito sem precisar ficar recorrendo a poderes novos. Eles existem é claro, mas em pouquíssimas vezes. Ele é um daqueles mangas com armas e poderes bem malucos, mas que dão uma explicação cientifica totalmente plausível, o que sempre da um contraste interessante.

O ponto negativo fica a cargo da falta de exploração de personagens secundários e vilões. Dos Juttensen (que são 10 pessoas) apenas metade deles que ações relevantes, os outros apenas aparecendo para dar um ataque ou outro e logo serem vencidos. O Big Bad também deixa a desejar, ele é um mascarado poderoso que quando a identidade é revelada, ela não é nada interessante. Bem como aconteceu recentemente com certo manga.

Se tudo que você quer algo pequeno, com muita ação de Gun Kata; bastante comedia e com algumas roupas bem sugestivas Grenadier é mais do que perfeito para isso.

Aqui estão algumas cenas inteiras para poder despertar o interesse: 01 02 03 04

Anúncios